LIPOASPIRAÇÃO PLANEJADA PARA O PRÓXIMO VERÃO

O verão de 2018 já acabou, e quem se descuidou da silhueta e deixou o biquíni no armário deve se planejar para garantir uma próxima temporada de sol perfeita. Isso é porque muita gente desconhece é que a cirurgia plástica não é um procedimento de efeitos instantâneos. Na verdade os resultados demoram alguns meses para se consolidar na maioria dos casos. Como a lipoaspiração, uma das categorias mais populares da cirurgia plástica, que leva pelo menos 30 dias. E como a lipoaspiração não é um tratamento para emagrecer e sim uma solução para remoção de gordura localizada, em áreas de acúmulo acentuado, a paciente precisa planejar, com antecedência, como quer chegar ao verão, já que o corpo demora a responder.

Antes e depois

O primeiro passo é conversar com seu cirurgião sobre o desejo de se fazer uma lipoaspiração, e como o procedimento pode ajudar nas demais atividades para se chegar a uma silhueta que lhe agrade. Como em qualquer tipo de cirurgia, uma lipoaspiração exige um período de recuperação. É normal surgirem hematomas e inchaços, que vão demandar tratamentos como drenagem linfática. Nessas primeiras semanas, é bom evitar atividades físicas intensas, eliminando qualquer chance de complicação. Dentro de dois meses, em média é possível voltar a malhar com segurança.

Nada de excessos

Quando o cirurgião liberar o retorno das atividades a paciente deve ter em mente que a região em que foi feita à lipoaspiração teve suas células adiposas removidas. Mas isso não significa que ela estará livre do acúmulo de gordura. Pois, se ela descuidar, o organismo a depositará em outras partes do corpo. Dessa maneira, é preciso manter o foco na dieta equilibrada e evitar excessos. Atividades físicas complementares e localizadas também ajudam a manter os resultados. É aquela história, não existe data e nem época para se fazer uma lipoaspiração, mas deixar para dezembro ou janeiro não dá!

2017-08-24T15:15:09-03:00